CãesDoenças em cães

Giardíase no cão – Como prevenir

Giardíase no cão – Como prevenir

A Giardíase é uma infecção causada por protozoários que acometem, principalmente, a porção superior do intestino delgado. É considerada uma zoonose, ou seja doença transmitida ao homem pelos animais. Uma doença que pode infectar seu cão e você também!


A transmissão da doença entre animais ocorre através da rota fecal-oral. Uma vez instalado no ambiente, o cisto (forma infectante do parasita) é bastante resistente e pode sobreviver por longos períodos, principalmente em ambientes frios e úmidos. O hospedeiro se infecta ingerindo os cistos, que se rompem no intestino após a exposição ao ácido gástrico e às enzimas pancreáticas.

Em humanos, a contaminação ocorre através da ingestão de cistos dos parasitas presentes na água e nos alimentos contaminados, ou pelo contato com as fezes de animais ou humanos infectados. Os grupos mais acometidos são crianças, geralmente menores de cinco anos e indivíduos imunossuprimidos.

Os sintomas mais comuns da doença nos animais são fezes moles, odor fétido e algumas vezes diarreia acompanhada de dor abdominal, que pode ser intermitente e aguda e muitas vezes associada à desidratação. Outros sinais incluem vômito, cansaço, falta de apetite, perda de peso e anemia. O ser humano pode apresentar a mesma sintomatologia canina, ou seja: diarreias freqüentes, vômitos, desidratação, fraqueza, dores abdominais, podendo evoluir para problemas mais graves quando não tratados.

O controle e a prevenção da doença devem ser baseados nas seguintes ações:
– Educação sanitária e adoção de hábitos de higiene: qualidade da água, lavar as mãos e alimentos antes das refeições.
– Tratamento de indivíduos infectados, com sintomas ou não.
– Vacinação dos cães

* Fonte: divisão técnica da Fort Dodge

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar