CãesCães pelo mundo

Como vivem os cães no Japão

Os cães são muito populares no Japão. A grande maioria é de raças de companhia, raramente encontram-se cães de guarda. Certamente, a raça mais popular é o shitzu, originária da China. Outras raças como golden retriever, dachshund, poodle, cocker, husky siberiano, dálmata e são bernardo, também são populares.

O shiba ken é uma raça muito comum. Ele se assemelha ao akita, porém é menor, late pouco e, portanto, bastante popular entre os japoneses. Ele resiste bem ao frio rigoroso.

Não é permitido ter cães em apartamentos. No máximo, moradores do andar térreo podem tentar um acordo para permanência dos cães, se estes forem pequenos e calmos. As multas para quem infringir as leis são bem altas.

Existe um controle de natalidade bem rígido, assim, dificilmente vê-se cães de rua. A carrocinha existe, mas é acionada raramente. Os donos de cães tem que registrar seus animais na prefeitura e seguir as orientações dadas por ela. A coleta das fezes nas ruas é obrigatória. Os cães tem acesso restrito a lugares públicos, mas podem ir a praia uma vez que os donos tem por hábito e dever, recolher as fezes dos cães.

O inverno é muito rigoroso no Japão e os cães precisam de um verdadeiro arsenal para enfrentar as baixas temperaturas. Em compensação, grandes infestações por pulgas não são comuns, pois há apenas 3 meses quentes no ano.

Manter um cão de porte pequeno que exija tosa e banho no pet shop custa em torno de US$100,00 mensais (incluindo alimentação). Isso sem contar com o veterinário quando for preciso. Uma consulta custa US$20 e a vacinação completa US$56.

Veja também:

  • Como vivem os cães na França
  • Como vivem os cães na Suíça?
  • Como vivem os cães abaixo de zero graus?

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar