Bem-estar animal cãesCãesCuidados gerais com cães

Cachorro precisa de roupa no frio?

Algumas pessoas questionam sobre o uso de roupinhas em cães: é necessário ou trata-se apenas de um “luxo” dos donos?

O cão possui uma camada de pêlos que o aquece nos dias mais frios. Algumas raças como o Husky Siberiano, Terra Nova e outras, possuem duas camadas de pêlo, além de uma grossa camada de gordura sob a pele. Para esses cães, o frio não é problema e a roupa é dispensável. No entanto, as raças de pelagem curta e até mesmo raças com pêlos mais longos, mas que não possuem adaptação para o frio, sofrem com temperaturas baixas. Nesse caso, a roupinha é necessária para aquecer o animal e não é apenas um luxo do dono.

Na natureza, os cães selvagens e lobos têm as tocas para se abrigarem e dormem uns próximos aos outros para se aquecerem no frio. Além disso, estão naturalmente adaptados às baixas temperaturas, o que não ocorre com muitas das raças de cães criadas pelo homem.
Cachorro precisa de roupa no frio?

O uso de capinhas de chuva pode parecer um grande supérfluo para alguns, no entanto, animais idosos e/ou com alterações de coluna, podem ter problemas ao se molharem nos dias frios e chuvosos. Isso sem contar com o odor da pelagem, o conhecido “cheiro de cachorro molhado”… Assim, se o cão tomar chuva, deve ser seco para não cheirar mal. Se usar uma capa (discreta…) para os passeios nos dias de chuva, melhor.

Em países com temperaturas muito baixas no inverno, o uso de sapatos evita que os cães queimem as patas na neve. Os sapatos também podem ser usados no verão, durante os passeios, para evitar queimaduras nas patas. Também servem para protegê-las da umidade, a maior causadora de dermatites. O sapato também pode ajudar a manter curativos e isolar a pata machucada do solo.

Devemos ter em mente que a roupa pode ser um grande incômodo para nossos amigos, quando o seu uso não passa de uma tentativa do dono de “humanizar” o animal. No mercado, existem todos os tipos de acessórios, de bonés e gravatas a fantasias para cães.

O exagero pode ridicularizar o animal Nosso conselho: use em seu animal apenas o que é necessário (para aquecê-lo no inverno, por exemplo) ou em ocasiões especiais. Cuidado para não ridicularizá-lo. O que pode parecer “bonitinho” para você, pode ser detestável para ele. Não insista se o cão não quiser usar a roupinha, mesmo que seja para protegê-lo do frio. Dê-lhe o direito de escolher o seu próprio “guarda-roupa”. Roupas de lã podem agravar o quadro de animais alérgicos e provocar muitos nós nos pêlos de raças de pelagem longa como yorkshire, maltês, lhasa apso, etc.. Roupas em gatos, nem pensar. Os bichanos são espertos e procuram lugares quentes no inverno. Detestam roupas ou qualquer outro acessório.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar